Anterior

Veja o resumo da sua novela preferida

02/07/2012

Anterior

Próxima

Palmeiras derrota Figueirense de virada por 3 a 1

02/07/2012

Próxima
Em 02/07/2012 - 11:23
Cooperviva de Rio Claro recebe novos equipamentos e prepara ampliação dos serviços
Por: Redação Canal Rio Claro
 

A Cooperativa de Trabalho dos Catadores de Material Reaproveitável de Rio Claro (Cooperviva) recebeu nesta sexta-feira, 29, uma prensa nova que, como o nome indica, é utilizada para fazer a prensagem dos materiais recicláveis coletados na cidade, compactando e reduzindo os volumes, o que facilita a estocagem e transporte dos mesmos. Além disso, junto com a nova prensa a cooperativa também recebeu uma paleteira para a movimentação de pallets.

Os dois equipamentos foram doados à cooperativa pela empresa Tetra Pak, que desenvolve projetos com a intenção de estimular essas ações em prol do meio ambiente. A doação, no entanto, resultou mais diretamente da evolução do Programa de Economia Solidária em Rio Claro, apoiado pela Secretaria de Ação Social, neste caso articulado com a Secretaria de Desenvolvimento, Planejamento e Meio Ambiente (Sepladema), que tem entre suas atribuições a gestão de resíduos sólidos. “Trabalhamos articuladamente neste projeto e fomos contemplados pela Tetra Pak, que sem dúvida está dando um impulso muito grande à ação da Cooperviva”, afirma Regina Ferreira da Silva, diretora do departamento de Resíduos Sólidos da Sepladema.

Com a nova prensa e mais as três de que já dispõe projeta-se que a cooperativa terá um fluxo maior na coleta de recicláveis, na triagem e prensagem desses materiais. No entanto, há outro forte impulso na área da reciclagem que se originou do Edital de Chamada Pública da Secretaria Nacional de Economia Solidária – SENAES/MTE nº 003/2011. O referido edital trata do fomento a empreendimentos econômicos solidários e redes de cooperação atuantes com resíduos sólidos, constituídas por catadores e catadoras de materiais reutilizáveis e recicláveis. Portanto, abrange as atividades da Cooperviva.

O Projeto da SENAES/MTE prevê destinação de equipamentos para entidades amparadas na proposta, incluindo esteiras mecânicas, que melhoram todo o processo ao automatizar parte do trabalho dos cooperados. E traz, ainda, a proposta de formar e capacitar pessoas nessa área, o que evidentemente gerará reflexos na qualidade e na agilidade do processo em todas as suas fases, em especial na triagem e prensagem.

Beneficiada com o novo barracão que a prefeitura entregou em 2011 no Distrito Industrial, para onde serão transferidos, nos próximos dias, todos os equipamentos restantes que ainda ocupam as instalações da Cooperviva na Vila Martins, a entidade que, hoje, com a atual estrutura, consegue cobrir com a coleta de recicláveis 30% dos bairros da cidade, tenderá a melhorar seu desempenho e ampliar a área de cobertura. “É isso que estamos preparados para ver em médio prazo”, diz o secretário Milton Machado Luz, titular da Sepladema. “Todo o esforço que estamos fazendo neste aspecto, com apoio do prefeito Du Altimari, caminha nesta sentido”, acrescenta.


 
     
Compartilhe esta notícia com seus amigos:  








/// Mais notícias em Rio Claro:

30/07/2014 - 15:27 - Resultados dos últimos jogos do Campeonato Amador de Rio Claro
30/07/2014 - 11:48 - Burnning Symphony é atração nesta quarta no Festival de Inverno
30/07/2014 - 10:54 - GM de Rio Claro faz curso de pilotagem segura de motos
29/07/2014 - 19:03 - Encerramento do Balonismo leva mais de 15 mil ao aeroclube
29/07/2014 - 11:48 - Festival de Inverno tem obras de Guerra-Peixe na terça
29/07/2014 - 09:57 - Trecho da Felício Castelano terá lombada eletrônica
29/07/2014 - 09:04 - Classificação final do Mundial de Balonismo no Brasil

/// Enquete
Você faz compras no Shopping Rio Claro?

Não
Sim

/// Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.

HOME | NOSSA EQUIPE | ANUNCIE NO PORTAL | FALE CONOSCO

Todos os direitos reservados a www.canalrioclaro.com.br - Proibida cópia total ou parcial do conteúdo deste site sem devida autorização